Patrocinador oficial:

__________________________________________________________________________________________________________________________

Sobre os 20 maiores acidentes (perdas) na indústria petrolífera de 1972 em diante


"Para reduzir os riscos de perdas significativas relativas a danos patrimoniais, as empresas de energia precisam aprender com os acontecimentos passados de grandes perdas do setor. É o que mostra o relatório “As 100 Maiores Perdas” (The 100 Largest Losses) da Marsh, uma das maiores corretoras de seguros do mundo. As empresas de petróleo e petroquímicas estão expandindo suas atuações globais, construindo mais ativos intensivos em capital e implantando uma tecnologia mais sofisticada para acessar as reservas de hidrocarbonetos em condições cada vez mais desafiadoras. Isso tem aumentado o perfil de risco do setor, levando a um maior potencial de perdas que podem ter um impacto importante nos balanços das empresas de energia.

A 22ª edição do relatório da Marsh “As 100 Maiores Perdas” (The 100 Largest Losses) detalha as perdas mais significativas resultantes de danos patrimoniais na indústria global de hidrocarbonetos desde 1972. De acordo com o relatório, seis das 100 maiores perdas decorrentes de danos ao patrimônio – que incluem a remoção, limpeza, responsabilidade empregatícia e custos com interrupção de negócios – ocorreram desde 2009, tendo como base  valores estimados e atualizados.

O relatório inclui a análise de uma explosão que ocorreu no ano passado em Alberta, em uma instalação petrolífera que estava sendo modernizada, ocasionando perdas decorrentes de danos patrimoniais de US$ 600 milhões. Ele também  mostra as perdas ocasionadas por danos devido a uma tempestade em uma unidade flutuante de produção, armazenamento e descarga (FPSO) localizada no Mar do Norte, estimadas atualmente em US$ 450 milhões. A explosão do Golfo do México, em 2010, causou perdas de danos patrimoniais avaliadas atualmente em US$ 590 milhões.


As 20 maiores perdas

Das 20 maiores perdas, sete ocorreram nos Estados Unidos, quatro na Europa, duas na América do Sul e Austrália e uma no Canadá, Índia, Malásia, África e Oriente Médio."



Fonte: Segs

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...