Patrocinador oficial:

__________________________________________________________________________________________________________________________

Sobre a descoberta de poços de hélio em território dos EUA no séc. XX



Exell Helium Plant - Kansas (EUA)

*     *     *

"Até 1904, o hélio era um gás raro, situação que começou a mudar a partir de 1905. A serendipidade entrou de novo em cena.

A construção de um poço de gás natural perto de Dexter, no Kansas, foi concluída, pelo que o gás foi ligado a uma central de geração de vapor onde serviria de combustível. Para surpresa de todos, o gás não queimava. Quando analisado por investigadores da Universidade do Kansas, descobriu-se que o gás em causa era maioritariamente azoto e que, ainda mais surpreendente, verifica-se a presença de hélio em frações de 2%. Depois disto descobriu-se que gases de muitos outros poços do Texas, Novo México, Utah e de várias províncias do Canadá, apresentavam igualmente pequenas frações de hélio.

Na atualidade existe um poço de grande volume no Texas, perto de Amarillo, que embora apresente uma concentração de hélio baixa (8%) tem sido o maior fornecer de hélio a nível mundial."

Fonte: Serendipity - Royston M. Roberts


*     *     *

"A Exell Helium Plant é a mais antiga unidade de produção de hélio em actividade, de entre as detidas pelo governo americano numa região que na década de 60 chegou a representar 95% do fornecimento de hélio a nível mundial.

As reservas norte-americanas de hélio ascendem a 32 mil milhões de métricos cúbicos deste gás, e estão localizadas no subsolo da região compreendida entre Amarillo e Kansas.

Quer a Excell Helium Plant como as referidas reservas encontram-se em processo de privatização."

Fonte: CLUI

*     *     *


0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...