Patrocinador oficial:

__________________________________________________________________________________________________________________________

Sobre o regresso da marca Mabor (Continental Pneus) e a revitalização de um símbolo do sector automóvel em Portugal





"O novo pneu da marca portuguesa Mabor vai ser comercializado nos mercados belga, espanhol, polaco, holandês, russo e português. Produzido em várias fábricas da Continental, inclusive na de Famalicão, o lançamento do Sport-Jet3 marca a "revitalização de um símbolo do sector automóvel em Portugal".


A Continental Pneus Portugal apresentou na manhã desta quarta-feira, 26 de Novembro, no Autódromo Vasco Sameiro, em Braga, o seu novo pneu da marca Mabor - o Sport-Jet 3, seis anos após o lançamento do último produto da marca portuguesa. 

Para o grupo alemão, que tem uma fábrica em Famalicão que factura 800 milhões de euros e emprega mais de 1.700 pessoas, o lançamento do Sport-Jet 3 "consiste, não só, a aposta da marca no aperfeiçoamento tecnológico dos seus produtos, mas também na revitalização de um símbolo do sector automóvel em Portugal - a Mabor". 


Comercializado nos mercados belga, espanhol, polaco, holandês, russo e português, "o Sport-Jet 3 foi desenvolvido com recurso à mais moderna tecnologia e resultado de um investimento da Continental AG numa marca portuguesa", referiu José Luís de la Fuente, director-geral da Continental Pneus Portugal (CPP). 

(...)
Inaugurada em 1946, a fábrica da Mabor – Manufactura Nacional de Borracha (sendo a sigla também atribuída às iniciais de Maria Borges, mãe do Conde da Covilhã, fundador da empresa) viria a ser adquirida pelo grupo Amorim no início dos anos 80. 


Em 1989, a Continental toma 60% do capital da Mabor, tendo assumido o controlo integral da empresa em 1993. A fábrica do grupo alemão em Lousado, Famalicão, mantém, ainda hoje, a denominação Continental Mabor. 

Continental vende 59 milhões de euros em Portugal

A Continental Pneus Portugal facturou cerca de 59 milhões de euros no ano passado, o que traduz um crescimento na ordem dos 15% face ao volume de vendas registado no ano anterior. O segmento de pneus ligeiros representou 80% das vendas. 

Para este ano, a empresa estima um crescimento de 10%, "fortemente suportados nos dados do primeiro semestre, em que facturou 36 milhões de euros"."

Artigo Completo: Negocios

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...