Patrocinador oficial:

__________________________________________________________________________________________________________________________

Sobre a Megasus Horserunners, e a substituição das milenares ferraduras por calçado desportivo para cavalos



Há invenções que nos acompanham há milénios. e uma delas é a de se usar ferraduras nos cascos dos cavalos, prática que remonta aos anos 200 A.C., e à civilização grega [1]. O problema que a aplicação das ferraduras veio resolver ainda hoje se coloca, sendo este precisamente idêntico ao motivo pelo qual o homem utiliza calçado nos pés: proteger as patas dos animais, nomeadamente os cascos, de desgaste abrasivo, cortes, etc.

Embora para o leigo uma ferradura possa ser simbolicamente um objeto sem grande inovação, ao longo da história, e em virtude do papel histórico que os cavalos tiveram em termos económicos, logístico, bélicos e, mais recentemente, desportivos, não só o design destes utensílios (ver imagem abaixo) como os materiais possíveis de que são feitos (a saber couro, bronze, aço, alumínio) foram sofrendo evolução.


[1]


Assim, não é de espantar que a revolução industrial e o consequente surgimento da indústria química, a qual proporcionou novos materiais ao mundo, tenha também trazido inovações ao conceito, funcionalidade e materiais das ferraduras.

A este propósito, há que destacar um produto da marca Megasus, que dá pelo nome de Horserunners, e que abrem a porta ao calçado desportivo para cavalos nos mesmos termos em que os humanos os utilizam (ver imagem abaixo). As vantagens inerentes a este produto jogam-se a nível da simplificado método de aplicação em relação às ferraduras (que dependem de pregos metálicos), ao nível ortopédico (maior flexibilidade e liberdade de movimentos) e também em termos de peso (visto que os materiais poliméricos usados são menos densos em comparação com o metais. 

Em suma, não deixa de ser curioso verificar como a milenar prática de "calçar" os cavalos tem vindo a acompanhar a evolução dos tempos, usufruindo das possibilidades que a engenharia química abriu no domínio de novos materiais e design de produtos.



Fonte:  Dressage Today + The Farrier Guide Megasus




0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...