Patrocinador oficial:

__________________________________________________________________________________________________________________________

Sobre o armazenamento de hidrogénio em cristais de gelo

image
“Anos de investigação em torno de soluções para armazenar hidrogénio de forma eficiente – um pré-requisito vital para a ‘economia do hidrogénio’ – conduziu a sistemas exóticos de armazenamento, envolvendo desde estruturas metalo-orgânicas (metal-organic frameworks – MOFs) a nanotubos de carbono. Agora, químicos teóricos norte-americanos chegaram uma solução muito mais corriqueira: gelo.
William Goddard, Tod Pascal e Christopher Boxe, do California Institute of Technology, serviram-se de modelos mecânicos e métodos estatísticos para realizar a sua investigação, e concluíram que os comuns cristais hexagonais do gelo, podem armazenar hidrogénio de modo mais eficiente do que os materiais existentes.
Os cálculos desta equipa sugerem que os cristais hexagonais de gelo podem suportar 3,8% do seu peso em hidrogénio, isto se o processo ocorrer a -123ºC. Comparativamente, o MOF de melhor desempenho apenas consegue suportar 1,3%.
Assim, o hidrogénio pode ser armazenado alguns graus abaixo do seu ponto de fusão e libertado quando necessário pelo derretimento do gelo.
Porém, algumas barreiras de engenharia estão já assinaladas, como por exemplo a questão de ter de se esmagar o gelo para poder depois misturado com o hidrogénio, garantindo assim a exposição a mais cristais de gelo.
A solução tem como principais vantagens utilizar um material barato e também não requerer elevadas pressões, como é típico suceder nesta temática.”

Fonte: Royal Society of  Chemistry – Chemistry World

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...