Patrocinador oficial:

__________________________________________________________________________________________________________________________

Sobre os amaciadores de roupa

image
Entende-se por amaciador de roupa uma composição líquida que se adiciona a máquinas de lavar roupa para  tornas os tecidos mais suaves e macios ao toque.
Sucintamente, estes produtos provocam a deposição de químicos lubrificantes nos tecidos têxteis, garantindo não apenas mais suavidade, como também redução da “electricidade estática” e impregnação dos mesmos com uma fragância.
O conceito de amaciador surgiu no início do século XX, na forma de “amaciadores de algodão” pois tinham como objectivo tornar as fibras de algodão mais suaves após a etapa de tingimento. Nessa altura o amaciador continha na sua fórmula 7 partes de água, 3 partes de sabão e 1 parte de óleo vegetal.
Por volta de 1960 várias empresas começaram a comercializar amaciadores baseando-se formulações menos artenasais, acompanhando uma crescente popularidade deste produto.
Uma das maiores desvantagens dos amaciadores é a sua incompatibilidade com os detergentes, o que implica que só possa ser aplicado após remoção do detergente.
Chegados ao fim de anos 90, as vendas anuais de amaciadores líquidos nos EUA rondavam os 700 milhões de dólares.


Resumo do Processo de Produção
1. Enche-se um reactor batch com água desionizada (para evitar que iões metálicos interfiram). Uma formulação típica contem 80 a 90% de água.
2. Inicia-se o aquecimento e mistura. Assim que a água atinge a temperatura desejada, adicionam-se os tensioactivos, os quais devem estar a cerca de 70-80ºC porque tendem a ser materiais sólidos cerosos. Os tensioactivos representam tipicamente 1 a 10% da formulação.
3. Os ingredientes condicionadores utilizados nos amaciadores não costumam ser solúveis em água, pelo que são adicionados à água apenas após a adição dos tensioactivos. Um formulação típica contem cerca de 5% de condicionadores.
4.  Quando a mistura se encontra homogénea, água fria circula na camisa do reactor com vista a baixar a temperatura. Com o abaixamento da temperatura, os restantes ingredientes, a saber, corantes, preservantes e fragância, são adicionados. Tipicamente, a fragância representa 1-3% enquanto que os preservantes e tinta não excedem 1%.
5.  O produto é transferido para uma linha automática de enchimento de garrafas plásticas, onde quantidades pré-determinadas são adicionadas a cada garrafa, seguindo-se a linha de fecho das garrafas e a linha de rotulagem.

Fonte: MadeHow

1 comentários:

gil souza disse...

para min que ja produzir em grande escala e um shou

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...