Patrocinador oficial:

__________________________________________________________________________________________________________________________

Sobre o azoto, sua utilização industrial e seus perigos


O Azoto é um gás inodoro (condições PTN) que preenche 78% do volume atmosférico terrestre.

Industrialmente é amplamente utilizado, podendo-se listar as seguintes aplicações:

+ Na regeneração de leitos de alumina ou peneiros moleculares;
+ Na preservação de amostras através de processos criogénicos ou de liofilização;
+ No arrefecimento de produtos com recurso a chillers;
+ Na secagem e purga de reatores;
+ No tratamento térmico de metais;
+ Como agente propiciador de condições para as injeções de molde a gás;
+ Como gás de arrasto em processos cromatográficos;

O ponto de fusão do azoto situa-se nos -210ºC (a 1 atm) enquanto que o ponto de ebulição verifica-se aos -195ºC (a 1 atm).

Fonte: Air Liquide


Dado ser comum o seu uso no estado líquido (aproveitando assim o seu potencial criogénico), o azoto encerra perigos de queimadura, mas também perigos de explosão provocadas pela enorme expansão em volume verificada na passagem de líquido a gás. O rácio de volumes entre azoto gasoso e azoto líquido é de 691, o que, por outras palavras, significa que este expande 691 vezes o seu volume quando passa de líquido para gás.

Para exemplificar este violento fenómeno expansivo em volume, partilho este vídeo que demonstra como esta característica deve ser tida em conta por qualquer um que o manuseie.



0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...