Patrocinador oficial:

__________________________________________________________________________________________________________________________

Sobre os sistemas 'getter', e a preservação de ambientes a vácuo por reação química, em lâmpadas, microeletrónica, coletores solares, e outras aplicações




A experiência mostra que, na presença de pequenas quantidades de contaminantes gasosos indesejados, os materiais sensíveis podem destruir a integridade e diminuir a expectativa de vida dos componentes de que fazem parte. É natural perguntar o que pode ser feito para proteger ainda mais o trabalho num ambiente de vácuo num contexto que as bombas fizeram sua parte na redução da pressão da câmara (tão baixa quanto economicamente viável). Esta tarefa recai sobre os sistemas 'getter'. Fonte: Vac Aero International Inc.

Para melhorar e manter o ambiente de vácuo dentro de dispositivos hermeticamente fechados, os sistemas conhecidos como getters desempenham um papel fundamental: o material getter pode absorver todos os gases ativos, como O2, H2O, CO, CO2 e N2 através de uma reação química sob vácuo. Fonte: SAES Group

  • Tipos de getter e materiais com essa funcionalidade:



• Os getters em filme são as soluções mais avançadas para atender aos requisitos dos dispositivos selados a vácuo de micro escala. A espessura mínima do getter com geometria e padronização personalizadas em diferentes substratos são as principais vantagens chave deste tipo de getter.

Getters de hidrogênio com alta capacidade de sorção, em múltiplas configurações e sem necessidade de ativação, ideais para aplicações de microeletrónica e armazenamento de energia.

Getters não evaporáveis (NEG), uma categoria geral de getters, cobrindo pastilhas, tiras, getters aquecidos passiva e ativamente, com diferentes graus de porosidade e sorção, disponíveis numa ampla variedade de designs e funcionalidade. Servem para para lâmpadas, tubos eletrónicos, coletores solares, dispositivos isolados a vácuo, sensores e muito mais.

Getters evaporáveis, desde a liga bário-alumínio e até BaAl4 dopado com azoto, são uma boa solução para uma variedade de dispositivos selados como tubos de raios-x, tubos eletrónicos, tubos solares e CRTs.

Fonte: SAES Group


  • Exemplo de utilização de getters em lâmpadas:



  • Exemplo de utilização de getters em tubos de coletores solares:


0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...